Quem acompanha o blog sabe da minha eterna luta contra as olheiras. Já tem um tempinho que investi no meu primeiro creme Renew (que atire a primeira pedra quem nunca experimentou escondido o Renew da mãe,só pra ver o que acontecia). Isso despertou risos e piadinhas entre meus familiares.¬¬ Gozações à parte, vamos ao review.

O produto é dividido em duas partes: na parte de baixo está o creme, que tem uma textura suave e consistente, com cheirinho discreto mas bem gostoso. O que me impressionou é que a pele absorve bem rápido. Não fica melequento, não provoca ardor, nem vermelhidão. O que sinto muito discretamente é um efeito tensor e uma hidratação potente. Indicado para usar de manhã e à noite antes do protetor solar.

Na parte de cima fica o balm iluminador. Não tem textura de creme, nem de pó. É suave e possui microbrilhos que não aparecem quando aplicados na pele. Deve ser usado de dia após o creme e deixa a pele sedosa. Aplicar corretivo após o balm é ótimo pois ele desliza fácil e não acumula, além de ficar mais uniforme.

O melhor de tudo é que dá pra usar durante o dia sem medo, já que não meleca nem escorre e muito menos dá aquela impressão oleosa no rosto.

Mas e aí? Funciona?
A promessa: Ajuda a reduzir visivelmente as rugas e clarear as olheiras para uma aparência cada vez mais jovem. Em 3 dias, 84% das mulheres notaram a área dos olhos com uma aparência mais firme, jovem e saudável.

O resultado: Aparência firme e saudável: 100%. Clarear olheiras: 70%. Diminuir rugas: não posso dizer que sim nem que não, já que não possuo rugas muito evidentes. Mas que melhora muuuuito o aspecto da área, isso sim!